Entenda a Tabela Price e Evite pagar uma Fortuna no que você compra!

Você sabe por acaso já fez os cálculos de quanto gastou quando comprou o seu carro ou seu apartamento financiado?

Tem muita gente que se assusta quando percebe que Pagou 2 Carros, mas só tem um!

Outras pessoas nem tem noção de que isso acontece.

Você sabe por que isso acontece?

Entenda a Tabela Price e saiba negociar melhor quando for comprar os seus Bens!

Clique em Saiba Mais para Cair na Real!

Nesse artigo você poderá baixar uma Planilha Gratuita que irá ajudar você a calcular tudo isso em 10 segundos. Você também não terá mais dúvidas quando olhar aquela tabela de financiamento, seja da sua futura casa ou carro.

 

O que é a Tabela Price?

 

Antes de tudo existem vários tipos de sistemas de amortização de empréstimo. Os mais conhecidos são a Tabela Price e SAC, mas também existem outros tipos de sistemas de amortização de empréstimos.

Os sistemas de amortização de empréstimos são utilizados para você saber como resgatar a dívida e são muito utilizados no crédito direto ao consumidor.

Falando de forma simples, quando você financia um carro, por exemplo, a uma taxa de juros de 1,5% ao mês, a tabela price irá lhe mostrar quanto você irá pagar em cada parcela, quanto irá amortizar da dívida e por ai vai.

Mais adiante vou mostrar para você alguns exemplos de como calcular a tabela Price. Também vou disponibilizar uma tabela price em excel.

 

Como funciona a Tabela Price?

 

O cálculo da tabela price é muito simples. Vamos olhar a figura abaixo para entender melhor.

foto-tabela-price

No exemplo acima vamos financiar um produto que custa R$ 10.000,00 em 5 prestações mensais a uma taxa de juros de 1,5% ao mês. A pergunta é: quando sabemos qual deve ser o valor da prestação?

Utilizando o Excel, tudo fica mais fácil. No excel em português utilizamos a função PGTO. Depois basta preencher os valores dentro da fórmula.

 

Passo a Passo para descobrir o valor da parcela

 

Escrevemos em uma célula =PGTO(taxa;número de períodos;valor presente) e substituímos:

  • Taxa: Colocamos a célula que tem o valor da taxa do financiamento ou escrevemos o valor da taxa. No exemplo da tabela é a célula G2. Então o começo da nossa fórmula ficaria a seguinte: =PGTO(G2
  • Número de Períodos: Aqui colocamos o número de prestações. No exemplo são 5 prestações. Da mesma forma que na taxa, colocamos a referência da célula que contém o número de prestações (G3, não esquecer o “;”) ou escrevemos o número. Agora a nossa fórmula já está quase pronta: =PGTO(G2;G3
  • Valor Presente: Esse é o valor que estamos financiando. No exemplo são R$ 10.000,00. Da mesma forma que nos outros itens colocamos a célula de referência (G4) ou o valor 10000 na fórmula do excel. =PGTO(G2;G3;G4)

Agora apertamos ENTER e o valor da prestação irá aparecer com um sinal negativo. Isso é normal porque representa o fluxo de caixa no sentido inverso, não se preocupe.

Pronto, agora você tem o valor da prestação. Nesse exemplo é de R$ 2.090,89. Feito isso, precisamos entender como montar a tabela.

 

Entendendo a Tabela Price

 

Vamos explicar melhor como é a tabela. Na primeira coluna, o N representa a qual mês estamos nos referindo. Sendo 0 o mês que você adquire a dívida, 1 o mês seguinte e assim por diante.

O Saldo Devedor Inicial é igual ao saldo devedor final. Se você observar a imagem, verá que os valores são sempre iguais.

Na terceira coluna está escrito Juros. O valor das células dessa coluna vem do Saldo Devedor Inicial multiplicado pelos juros. No caso da linha 1 temos 10.000 x 1,5% = 150. Fácil, não é?

Depois temos o Saldo Devedor Inicial + Juros que é a soma das duas colunas anteriores. Nenhum mistério.

Em seguida a Amortização. Ela é resultado da prestação menos os juros, ou seja, é quanto da dívida que você irá amortizar. Logo, Amortização = Prestação – Juros.

Depois temos a coluna Prestação que já ensinei você a calcular anteriormente. Lembre-se que como estamos usando a Tabela PRICE as prestações são todas iguais.

Por final o Saldo Devedor Final. Ele mostra quanto você ainda está devendo da dívida no final do período. No final do mês 1 ainda estamos devendo 8.059,11. Esse valor será o Saldo Devedor Inicial do mês 2 e assim por diante.

 

Como utilizar a planilha (Vídeo)

 

 

Download da Planilha

 

Caso você queira brincar com a planilha ou usar ela para aprender mais, basta clicar nesse LINK.

 

Finalizando

 

Se você quiser aprender mais sobre organização financeira e sobre investimentos, recomendo você baixar o ebook Gratuito abaixo.

 

Abraço,

Leonardo Rocha

2017-03-04T14:38:00-03:00 Minhas Finanças|34 Comments