Os 7 Maiores Erros que as Pessoas Pobres Cometem

Você pode não ser rico agora, mas se continuar fazendo o que tem feito será rico nos próximos anos. Pessoas com mentalidade rica sabem disso.

Existe muita gente que não é rica agora e quer ser rica no futuro. O problema é que elas não percebem os erros que elas cometem e que se as atitudes delas não mudarem, os resultados que elas esperam não vão virar realidade.

Confira abaixo os 7 Maiores Erros que as pessoas pobres cometem e que provavelmente você deve cometer também.

 

1 – Não criar ativos

 

 

Grande parte das pessoas que continuam na mesma situação financeira não focam em criar ativos.

Mas o que são ativos?

Trago esse conceito do livro Pai Rico Pai Pobre: É algo que coloca dinheiro no seu bolso. Vamos a alguns exemplos:

– Investimentos de renda fixa
– Imóveis para alugar
– Investimentos em ações
– Equipamentos ou máquinas gerar/aumentar renda no seu trabalho

Ficou claro agora?

Então se você não está alocando seu dinheiro para gerar mais dinheiro, você não está criando ativos.

2 – Não saber quanto gasta

Antes de fazer qualquer mudança na nossa vida, seja em qual área for, precisamos saber qual é o nosso estado atual.

Se eu quero perder gordura, eu preciso saber meu peso, meu percentual de gordura, etc. Quando eu quero ficar mais rico eu preciso não só saber quanto eu ganho, mas também quanto gasto.

No começo é muito importante você ter um controle no mínimo mensal. Caso você queira fazer algo mais efetivo, mas mais radical, faça um controle diário.

Assim você pode acompanhar todos dias como estão os seus gastos e não deixar para corrigir sua postura consumista somente no mês que vem.

Se você olhar diariamente seus gastos, é muito pouco provável que você seja pego de surpresa no final do mês. Mas mais importante que a frequência é você encontrar uma maneira que funcione para você.

Tente começar mensalmente e se mesmo assim você estiver gastando mais que pode, faça uma análise diária.

3 – Não saber quanto seus passivos custam por mês

 

Podemos saber quanto gastamos diariamente, mas isso não significa que sabemos o custo mensal de alguns passivos. Mas o que é um passivo?

Do livro Pai Rico Pai Pobre: passivo é algo que tira dinheiro do seu bolso. Por exemplo, um carro é um passivo, porque existem custos de combustível, IPVA, seguro, etc.

Voltando ao assunto, por acaso você sabe quanto custa mensalmente o seu carro? Está considerando a depreciação anual do seu carro? Está considerando o custo de oportunidade?

Depreciação é quanto seu carro desvaloriza. Por exemplo: se o seu carro custa R$ 30.000,00 e desvaloriza em torno de 10% ao ano (média), por ano você perde 3.000, o que seria igual a 250 reais por mês.

Custo de oportunidade é quanto dinheiro você teria caso estivesse investido o dinheiro do carro em um investimento de baixo risco. Vamos considerar um investimento que renda 12% ao ano. Exemplo: 30.000 x 0,12 = 3.600 que seria 300 reais por mês que você estaria deixando de ganhar por não investir o dinheiro.

Enfim, não tem problema nenhum você ter um carro, só leve em consideração os custos que ele gera mensalmente para você e quanto custa também um transporte alternativo ao carro.

4 – Acumular dívidas

Vivemos num país no qual a taxa de juros é extremamente alta. E o que isso significa?

Significa que o custo do dinheiro é alto. Logo, quem empresta dinheiro ganha bastante, mas quem pega dinheiro emprestado paga muito caro!

O jogo é simples, não pegue dinheiro emprestado e empreste dinheiro.

O problema é que as pessoas fazem justamente o contrário o que causa um rombo financeiro! Acumular dívidas é a forma mais rápida de gerar um grande problema financeiro na sua vida, ainda mais em países como o Brasil.

Por isso, evite acumular dívidas, tente renegociá-las e pagá-las o mais rápido possível. Só assim você conseguirá sair da sua situação financeira para uma situação melhor.

5 – Apenas poupar e não investir

 

Além de ter uma taxa de juros extremamente alta, o Brasil tem uma inflação muito alta. Com isso, deixar o dinheiro parado tem um custo muito alto.

Em 2017 a inflação está mais controlada, mas em 2015, por exemplo, a inflação passou de 10%. Isso significa que se você guardou dinheiro e não investiu, um a cada 10 meses que você economizou, o dinheiro foi jogado no lixo.

Isso mesmo, seria o mesmo que não economizar durante 1 mês. Imagina o efeito que isso deve ter sobre o seu patrimônio a longo prazo!

A grande mágica do crescimento do patrimônio vem dos juros compostos. Se você não investe o seu dinheiro, você não vai ir pra frente.

Outro exemplo. Se você tem R$ 20.000 e não investe em um cenário onde a inflação é de 5% ao ano, você perde 1.000 reais por ano que dá mais ou menos 83 reais por mês. Logo se você economiza menos que isso e não investe, você está PERDENDO dinheiro mesmo economizando!

A longo prazo você NUNCA acumulará patrimônio assim!

6 – Não ter um planejamento financeiro

Existe uma frase que diz o seguinte: “Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve.”

Você precisa ter foco de onde quer chegar!

O cálculo é simples, veja onde você quer chegar, faça uma “engenharia reversa” (Se você quer ter 12.000 em um ano precisa economizar 1000 reais por mês), e coloque o plano em prática.

Juro que é mais simples que você imagina. O problema é que as pessoas não sabem onde querem chegar e assim não conseguem ter a mínima ideia se estão longe ou perto do seu destino.

O exemplo do avião

 

É o mesmo que entrar em um avião sem saber qual é o seu destino!

Pode ser bobo falando assim, mas é o que a maior parte das pessoas faz a respeito da sua vida financeira!

Quando você entra em um avião e sabe exatamente onde quer chegar, você pode ir corrigindo a rota durante o caminho. Você pegar o seu destino LONGO e transforma em destinos CURTOS.

Se você quer ir pro Japão, por exemplo, você pode sair do Brasil e ir corrigindo a sua rota a cada hora por exemplo. Você transforma sua meta LONGA em metas CURTAS.

Agora imagine um cenário no qual não existe piloto automático, você mira o avião para o Japão e só vê onde você se encontra 10h depois? Você pode estar indo em direção ao Japão, mas o mais provável é que você tenha desviado a sua rota!

Por isso é muito importante fazer metas MICRO, da mesma forma que um avião precisa estar constantemente corrigindo a sua rota até o seu destino!

Para saber mais sobre planejamento financeiro acesse esse artigo clicando aqui.

7 – Não focar em aumentar a sua renda

 

Para finalizar esse é um erro muito comum que pessoas cometem quando querem ficar ricas.

Antigamente eu focava muito em gastar pouco, investir bem. Até que um dia eu vi a frase de um autor que não me recordo o nome que disse o seguinte: “Se você poupar 100% da sua renda, só poupará o valor da sua renda.”

O que ele quis dizer com isso? Algo muito simples, se uma pessoa ganha 3.000 reais, por exemplo, ela conseguirá poupar no máximo 3.000 reais por mês, num cenário totalmente utópico porque ela tem custos para viver!

Então comecei a pensar… faz muito sentido!

Uma das formas de acelerar o processo de independência financeira é conseguir poupar mais. E dificilmente você vai conseguir poupar 10.000 reais por mês, por exemplo, se não aumentar a sua renda!

E como se aumenta a sua renda? Resolvendo problemas. Cada vez maior o problema que você resolve, mais você pode ganhar.

Quer saber mais sobre como aumentar a sua renda? Clique aqui e veja essa apresentação.

Resumo

Vamos revisar o que vimos nesse artigo.

  1. Você precisa criar ativos para gerar mais renda para você.
  2. Anote quanto você gasta. Confira ao menos mensalmente.
  3. Descubra quantos seus passivos custam mensalmente.
  4. Pare de acumular dívidas em um país onde o custo do dinheiro é caro.
  5. Se você não investir o seu dinheiro, a inflação irá corroer suas poupança.
  6. Faça um planejamento financeiro. “Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve.”
  7. Você precisa aumentar sua renda para conseguir poupar mais e acelerar seu processo rumo à independência financeira.

Agora a está com você. Tente colocar essas dicas em prática e depois me diga se elas deram certo, ok?

Se você já está tendo resultados e quiser ir para o próximo nível, veja essa apresentação clicando aqui.

Abraço e sucesso

 

2017-07-08T11:51:05+00:00 Mindset|0 Comments